EM VILANKULO:: ADV dispensa Artur Comboio

O emblema decidiu não estender o vínculo contratual com o treinador Artur Comboio, contratado em Julho último para cumprir metade da época.

Texto: David Nhassengo

O jovem técnico – sempre acompanhado pelo seu adjunto Pedro Mambo – deixou naquele mês o Incomáti de Xinavane para abraçar o projecto da Associação Desportiva de Vilankulo, com o propósito único de manter o emblema no Moçambola. O vínculo contratual era válido até 31 de Dezembro de 2022, porém com opção de renovação em caso de cumprimento dos objectivos.

O objectivo foi todavia cumprido, ainda que na derradeira jornada da prova mercê da vitória caseira, por 3-2, sobre o Matchedje de Mocuba.

O combinado sugeria que as partes deveriam voltar a sentar-se à mesa para a análise dos cenários e limarem as arestas.

Dito e feito. Na quinta-feira (08) da semana passada, um dia após a queda da AD de Vilankulo nas meias-finais da Taça de Moçambique, a direcção do clube chamou a equipa técnica para esse encontro decisivo. Em Maputo.

Falou-se o que se falou sobre o que foi da época e, no fim, a direcção transmitiu a sua vontade de não renovar com o técnico. Uma vontade cantada, transcrita transcrita em papel esta terça-feira, 13 de Dezembro.

A direcção está neste momento em conversações com vários treinadores para assumir o lugar que era de Artur Comboio. Nacir Armando granjeia mais simpatia da direcção.

A AD de Vilankulo terminou a prova na nona posição, um degrau acima da zona de despromoção. [OC]


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s