#BSAFCON2022:: Decepção total em Vilankulo alerta para o fim de um ciclo dos “Guerreiros da Praia”

Um falhanço maiúsculo: a selecção nacional de futebol de praia falhou o acesso à final do CAN de Vilankulo ao perder diante do Senegal, campeão africano, por 3-2. Falha – repetimos – também o Mundial da modalidade.

Texto: David Nhassengo

No papel, a trajectória inglória em Vilankulo foi apenas a continuidade da prestação da selecção nacional na última edição da COSAFA, esta que serviu de preparação para o CAN de Vilankulo. Moçambique entrou naquela competição de Durban como campeão em título e saiu como quarto, atrás de Uganda, Egipto e Senegal – estes dois últimos finalistas em Vilankulo.

O abalo sísmico desse 01 de Outubro – dia em que Uganda conquistou o bronze ao bater Moçambique por 8-7 – foi tão dinamitoso que os seus efeitos foram também sentidos em Vilankulo, neste CAN caseiro em que os “Guerreiros da Praia” foram prova viva de que não se trabalha em pedaços para voos altos.

Devemos estar recordados que a prova dos moçambicanos arrancou com um susto diante de um ilustre desconhecido, a quem o vulgo chama de Malawi. Moçambique venceu esta partida por 4-2, depois de em duas ocasiões ter estado em desvantagem no marcador.

Na despedida da fase de grupos sofreu uma derrota angustiante diante de Marrocos, num desafio em que só se destacou ao marcar o 1-0 na sequência de uma grande penalidade. O resto foi o bailado dos marroquinos para esse 3-1 que colocou a equipa nacional dependente da solidariedade magrebina para avançar às meias-finais. Abineiro Ussaca pediu desculpas ao povo moçambicano.

O alerta vermelho: um presente magrebino envenenado!

Para seguir à fase seguinte, Moçambique dependia da vitória de Marrocos sobre o Malawi. E assim foi: 7-3 na derradeira partida do grupo A, com os moçambicanos a celebrarem o apuramento às meias-finais. Pela segunda vez consecutiva.

Todavia, toda aquela celebração ignorou o que significava aquele presente envenenado que deveriam ter dispensado. Se pudessem, naturalmente, vencendo o Marrocos.

É que o adversário que se seguia nas meias-finais tinha vários adjectivos para além do seu próprio nome: Senegal, o campeão em título para uns, pentacampeão africano para outros, o vencedor da COSAFA para os comedidos, o cinco vezes finalista do CAN para os menos, o eterno mundialista, opcionalmente…

O Último Voo do Flamingo

Na final antecipada da prova, curiosamente entre os dois finalistas da última edição do CAN, os treinados por Abineiro Ussaca ainda tentaram colocar os campeões africanos em título em combustão. Venciam por 2-0 no segundo período com bis Nelson.

Até aí a final ainda era um sonho alcançável, com a segunda presença consecutiva no Mundial como música de fundo. Mas o Senegal sempre foi esse adversário que torna qualquer jogo muito desafiante, tendo em conta a angústia que muitas vezes representam os seus golos.

Layé reduziu para 2-1 e, bem perto do fim do segundo período, Fall mostrou-se indiferente aos falhanços dos anfitriões para empatar e levar, ao terceiro, um resultado no seu ponto justo.

A luz do sonho mundial apagou-se como tiro de pólvora seca quando Sylla completou a reviravolta, depois de aproveitar uma ocasião de ouro para manter o Senegal sempre ligado às finais do CAN.

Egipto, outro finalista

Antes do Senegal tomar Vilankulo, o Egipto havia derrotado o Marrocos, por 5-4, numa partida marcada por viragens. A final será no sábado, às 15 horas. Uma hora antes, Moçambique lutará pelo bronze diante do Marrocos, na enésima partida entre as duas selecções. [OC]

Assim vivemos o dia das meias-finais em Vilankulo: https://is.gd/O4WUBd

Conheça os (en)cantos do maior destino turístico de África. Visite: http://www.instagram.com/tourismvilankulo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s