FUTEBOL:: Inspecção do ENZ deixa moçambicanos optimistas na sua aprovação pela CAF!

Optimismo. Mais do que uma palavra, um sentimento que rapidamente abraçou os moçambicanos após a inspecção realizada esta quarta-feira, 29 de Junho, ao Estádio Nacional do Zimpeto por técnicos da Confederação Africana de Futebol.

Texto: Redacção OC / Fotos: @fmf

A visita dos inspectores da CAF deixou particularmente a Federação Moçambicana de Futebol (FMF) optimista na aprovação do estádio, por forma a que os jogos internacionais voltem a encher os olhos dos moçambicanos. Em solo pátrio.

No horizonte estão os encontros dos Mambas contra a Zâmbia e o Senegal, sendo que o primeiro, de apuramento ao CHAN, deverá realizar-se entre 22 e 24 de Julho e o segundo, do acesso ao CAN, a 29 de Setembro.

Assim indicou Hilário Madeira, secretário-geral da Casa de Futebol, que sustentou o seu optimismo “nos esforços que foram feitos nesse sentido”, exclusivamente pela Secretaria de Estado do Desporto, de “termos um resultado favorável vindo da CAF”.

Guia perfeito do sul-africano Joshua Knipp durante as pouco mais três horas de vistoria no maior estádio do País, Madeira revelou à imprensa que o trabalho correu perfeitamente, visto que “o inspector fez o que lhe competia e nós, por sua vez, fizemos a nossa parte. Por isso estamos todos na expectativa de ter um resultado favorável.

Sobre o procedimento até à aprovação do estádio, aquele quadro colocou baldes de gelo à expectativa daqueles moçambicanos que queriam o conhecer veredicto ainda esta quarta-feira (29). A fonte explicou que “cabe ao inspector submeter o relatório final para a CAF e, a seguir a isso, aguardarmos pela decisão final que cabe exclusivamente a este organismo”.

O ENZ foi analisado à lupa até de noite!

Liderada pelo sul-africano e inspector-CAF Joshua Knipp, a vistoria do maior e mais moderno estádio nacional durou pouco mais de três horas. Iniciou por volta das 15h30, mas só depois das 19 horas é que a equipa abandonou o recinto.

E explica-se. Os trabalhos foram divididos em dois momentos, sendo que o primeiro, à tarde, compreendeu a análise do estado geral do estádio, com incidência para a qualidade do piso, para a segurança nas bancadas e do recinto no seu todo, para os balneários, casas de banho, bem como para a funcionalidade das torniquetes e do sistema de som.

O segundo momento decorreu no princípio da noite, no qual testou-se ao mínimo detalhe a capacidade do estádio de realizar jogos nocturnos. Analisou-se, aqui, a qualidade da luz.

De recordar que as obras de melhoramento do Estádio Nacional do Zimpeto foram realizadas pela Secretaria de Estado do Desporto, entidade que gere aquela infraestrutura através do Fundo de Promoção Desportiva. Custaram cerca de um milhão e meio de dólares norte-americanos. [OC]


[*Ganha até 1.000.000mzn em http://www.jogabets.co.mz – Regista-te hoje usando o Promo Cod 530051]

One comment

  1. Obrigado pela provação do trabalho feito, espero que não aconteça mais o que aconteceu, e que a federação do futebol Moçambicano tenha condições de construir pelo menos um Estádio a cada província do país, ou mesmo ser 5 Estádios ao nível nacional

    Gostar

Deixe uma Resposta para MACIE Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s