#MOCAMBOLA:: Apenas três equipas lutam pela manutenção

Trata-se do Incomáti de Xinavane, do Matchedje de Mocuba e do Desportivo de Maputo que ainda lutam para evitar a Liguilha de Manutenção no Moçambola. Textáfrica sentenciado.

Texto: David Nhassengo

Dos emblemas, o Incomáti é que está melhor posicionado (11º), fora das três posições que dão acesso à Liguilha com 23 pontos. Leva seis pontos de vantagem sobre o Matchedje de Mocuba (12º).

Com a derrota averbada em Songo, por 3-0, os açucareiros de Xinavane estão a quatro pontos de alcançar a desejada manutenção, ao que para as últimas três jornadas defrontam, sucessivamente, o Desportivo de Maputo (em casa), o Ferroviário de Nacala (como visitantes) e a Black Bulls (em casa).

Por sua vez, o Matchedje de Mocuba continua a liderar o trio de acesso à Liguilha de Manutenção após empate a um golo diante da AD de Vilankulo, no campo do Ferroviário de Quelimane.

Com 17 pontos, o emblema só poderá assegurar a manutenção directa na prova caso vença as restantes três partidas que tem pela frente sem que o Incomáti consiga os já referenciados quatro pontos.

Os militares recebem próxima jornada a Liga Desportiva de Maputo e, na penúltima jornada, descem ao Estádio da Machava para o jogo diante do Ferroviário de Maputo. Fecham a prova enfrentando em casa a União Desportiva de Songo.

Tarefa difícil tem o Desportivo de Maputo, penúltimo classificado com 16 pontos, este que sábado, 16 de Outubro, empatou a zero diante do Ferroviário da Beira.

Para evitar a Liguilha, o clube alvinegro precisa vencer os três próximos desafios e esperar, por um lado, que o Incomáti de Xinavane não triunfe em nenhum dos seus três adversários e, por outro, que o Matchedje de Mocuba não vença todos os três últimos jogos.

Dado curioso é que o Desportivo vai a casa do Incomáti na próxima jornada, para na jornada 25 receber o Ferroviário de Nampula. Na derradeira ronda desloca-se ao campo do Alto Makhassa.

O único clube que não evita a Liguilha é, até ao momento, o Textáfrica de Chimoio, lanterna vermelha com 13 pontos.

Liga Desportiva e Ferroviário de Nampula asseguraram esta semana a manutenção

Ao empatar em casa diante do Textáfrica de Chimoio, sem abertura de contagem, a Liga Desportiva de Maputo assegurou a manutenção tranquila na prova máxima, ao alcançar o limite dos 28 pontos. Aliás, ainda que tivesse perdido, o emblema da Matola C respiraria de alívio em virtude de o Matchedje de Mocuba ter empatado a um golo diante da AD de Vilankulo.

Apesar de poder ser alcançado, em termos de pontos, pelo Matchedje de Mocuba, o Ferroviário de Nampula (26) assegurou a manutenção tranquila na prova após empate a dois golos diante do homônimo de Maputo, em pleno Estádio da Machava. A equipa orientada por Nelson Santos leva vantagem no confronto directo com os militares: duas vitórias, todas por 1-0. [OC]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s