Sub-20:: Apenas quatro campeões da COSAFA já foram utilizados no Moçambola2021

De um grupo de 20 atletas que foi campeão da COSAFA de sub-20 em Dezembro do ano passado em Port Elizabeth, na vizinha África do Sul, 16 pertencem a clubes que militam no Moçambola. Destes, apenas quatro foram utilizados até aqui.

Texto: Redacção

O dado torna-se de todo preocupante tendo em conta a onda extensa e grandiosa de celebração que se seguiu à conquista, histórica em toda a regra, de uma selecção nacional de futebol em provas internacionais oficiais. No caso regional, a nível da COSAFA.

Daquela equipa promissora, de 20 talentosos atletas que ergueram o troféu em Port Elizabeth a 13 de Dezembro de 2020, 16 regressaram ou foram integrados aos clubes que militam no Moçambola2021, com excepção de Jean Luca Lorenzoni do Varzim de Portugal, Belarmino do Maxaquene, Gaby Pinho do Sertanense e Raimundo Duarte do Sporting de Portugal.

Dos 16, apenas quatro foram até aqui utilizados para a prova máxima nacional, com destaque para Dias Fumo que foi o primeiro a ser lançado, pela Liga Desportiva de Maputo, durante 90 minutos contra o Incomáti de Xinavane. Foi em desafio da quinta jornada.

Aliás, o defesa central voltou a ser alinhado na jornada seguinte contra o Ferroviário de Nacala, igualmente por 90 minutos. Somou um total de 180 minutos com a camisola da Liga Desportiva de Maputo, clube que o foi contratar ao Maxaquene.

Por razões burocráticas, o atleta de 19 anos de idade ficou indisponível para as jornadas seguintes.

Ainda na jornada 5, a Black Bulls lançou Valdemiro Paulino, por 14 minutos, contra a União Desportiva de Songo. O jovem voltou a ser alinhado, mas por 4 minutos, no desafio contra o Ferroviário de Nacala para a jornada 7. Soma até aqui um total de 18 minutos.

O atleta que demorou a ser lançado é o defesa central do Ferroviário da Beira, Alberto Alface Foia, por sinal o sub-20 campeão da COSAFA que mais tempo de jogo tem no Moçambola2021: 270 minutos.

Estreou-se na jornada 6 contra o Associação Desportiva de Vilankulo. Foi absolutista, proeza que a repetiu na ronda seguinte contra o Matchedje de Mocuba.

Para confirmar que nada acontece por acaso, Akil Marcelino voltou a confiar-lhe a titularidade na jornada 8 contra o Ferroviário de Maputo.

Jossias Dlhakama é também outro sub-20 que teve a oportunidade de se estrear na prova. Pela Liga Desportiva de Maputo. Mas a sua situação é preocupante!

Com uma lesão que importou da Mauritânia, ao serviço da selecção sub-20 que participou no CAN que decorreu este ano naquele País, o médio mostrou sinais de recuperação e até foi alinhado durante cinco minutos (finais) contra o Ferroviário de Nacala, para a sexta jornada. Teve uma recaída e está confinado…

Ivan Mário dá cartas na LDM

Apesar de não ter sido convocado para a COSAFA, tendo-se estreado na selecção nacional durante o CAN de Sub-20 que decorreu este ano, na Mauritânia, Ivan Mário tem estado a somar minutos na Liga Desportiva de Maputo, clube para o qual transferiu-se ido do Assante Sport Clube de Nampula.

Foi alinhado em quatro jogos, com um total de 63 minutos somados: contra o Incomáti para a quinta jornada (11 minutos), contra o Ferroviário de Nampula para a sexta (15’), diante do Ferroviário de Nampula na sétima (22’) e Black Bulls para a oitava (15’). OC


[*Este conteúdo foi oferecido por http://www.jogabets.co.mz – Registe-se com o Promo Cod 530051 e receba um bônus especial de boas-vindas]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s