BASQUETEBOL:: Maputo não acolherá segunda janela de qualificação ao AFROBASKET-2021

Condições impostas pela FIBA-África impedem que Moçambique acolha a segunda Janela de Apuramento ao Afrobasket-2021, a ter lugar de 19 a 21 de Fevereiro do próximo ano.

Por: redacção

Maputo não deverá avançar com a tão pretendida candidatura para acolher os jogos do grupo B, devido às novas condições impostas por aquela entidade gestora do basquetebol do continente, relacionadas com o cumprimento do protocolo sanitário para a protecção das delegações contra o novo coronavírus.

É que, obrigado a ter de acolher mais do que um grupo, ou seja, no mínimo oito selecções, o País seria obrigado a custear todas as despesas relacionadas com a testagem de despiste de todos os envolvidos no torneio, para além de garantir as melhores condições de hospedagem das equipas.

Ou seja, todos os gastos relacionados com o torneio seriam custeados pelos cofres da Federação Moçambicana de Basquetebol, o que nos dias de hoje é impensável. Sobretudo pelo contexto actual do País, que virou todas as baterias financeiras para combater a pandemia do novo coronavírus.

Ao que tudo indica, a segunda Janela de Qualificação ao Afrobasket-2021 deverá seguir de volta a Kigali, no Ruanda, cidade que voltou a submeter a candidatura para acolher o torneio mesmo depois de conhecidas as novas exigências.

Moçambique conforma-se!

A Federação Moçambicana de Basquetebol tem noção desta imposição proibitiva da FIBA-África e está até conformada em levar a selecção para disputar a prova numa outra cidade. Como é o caso da de Kigali, na qual não foi feliz na primeira janela.

Há uma possibilidade de a prova voltar a ser organizada pelo Ruanda, pelas condições apresentadas tendo em conta o protocolo sanitário. Sabemos que o País que for a organizar a janela deve acolher dois grupos, sendo que nós não estamos em condições para o efeito”, assumiu Amade Mogne, vice-presidente da Federação Moçambicana de Basquetebol.

Refira-se que a selecção nacional sénior masculina de basquetebol é a lanterna vermelha do grupo B de qualificação ao Afrobasket2021. Na janela que decorreu de 25 a 27 de Novembro, o conjunto de todos nós fez o pleno de derrotas em três jogos disputados.

Em Fevereiro tem mais uma chance de provar que o que aconteceu na primeira janela, chegando a perder até para o Quénia, foi obra da falta de rodagem competitiva dos atletas por inexistência competições internas da modalidade. O novo coronavírus carregou as culpas…OC

*Este conteúdo foi oferecido por http://www.jogabets.co.mz

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s